InfoMoney | Especial

Tudo sobre

Programa de Fidelidade

InfoMoney

Redes varejistas apostam em programas de fidelidade para driblar crise

Cadastros em programas de fidelidade aumentaram 22% no terceiro trimestre de 2015

        InfoMoney
 24 FEV 2016 - 10H00

Em 2015, o setor varejista caiu 4,3% em comparação ao ano anterior, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IGBE). Este é o pior resultado na série histórica iniciada em 2001 e a primeira queda desde o recuo de 3,7% visto em 2003.

Nesse cenário nebuloso, os programas de fidelidade têm ganhado força, como alternativa para que clientes mantenham o consumo e as empresas as vendas. “Os programas de fidelidade são fundamentais para conhecermos o comportamento dos clientes e, com isso, melhorar nossos produtos e serviços”, afirma Renato Camargo, gerente de CRM e Fidelidade do GPA, que lançou o primeiro programa de fidelidade para uma de suas marcas em 2000, o Pão de Açúcar Mais.  

Desde então, a companhia evoluiu no assunto, criando programas para outras de suas marcas (a exemplo do Clube Extra) e parcerias importantes como a Multiplus – hoje, possibilitando a troca de pontos entre as marcas de e-commerce (Extra, Casas Bahia e Pontofrio), e lojas físicas (Extra, Pão de Açúcar, Casas Bahia, Pontofrio, Minuto Pão de Açúcar e Minimercado Extra

Camargo considera a união entre as companhias muito importante e que a medida traz benefícios tanto para os clientes das redes de varejo quanto para os participantes da Multiplus. “Isso significa aumentar o poder de compra desse cliente – dado importante em razão do difícil cenário econômico atual – e mostrar vantagens reais em participar dos nossos programas de relacionamento”, ressalta.

Os números recentes divulgados pela Associação Brasileira das Empresas do Mercado de Fidelização (ABEMF) apontam crescimento em diversos indicadores, desde o número de cadastros em programas, que aumentou 22% no terceiro trimestre de 2015, em relação ao mesmo período do ano anterior, até o faturamento das companhias do setor, que cresceu 25% na mesma comparação.

Na Cnova, desde 2013, o resgate de produtos vem subindo a taxas superiores a 30%. Já o acúmulo de pontos tem registrado taxas de crescimento acima de 50% ano após ano. Na Multivarejo e na Via Varejo, considerando que a parceria foi estabelecida em dezembro de 2015, os números foram ainda mais surpreendentes: mais de 20 milhões de pontos resgatados em apenas 60 dias.

Conheça as vantagens que a Multiplus oferece com algumas das principais redes varejistas do Brasil:

Pontofrio

Normalmente, cada real gasto no site equivale a 2 pontos Multiplus. No entanto, frequentemente há promoções que aumentam esta conversão para 10 pontos a cada real gasto. Além disso, os pontos acumulados podem ser trocados por eletrodomésticos, eletrônicos, games, produtos de informática, entre outros. E desde dezembro a parceria se estendeu para as lojas físicas também, onde é possível trocar os pontos por vouchers de desconto de R$ 100 a R$ 1.000.

Casas Bahia

Na loja online da Casas Bahia cada 2 reais gastos valem 1 ponto Multiplus. E os pontos acumulados podem ser trocados por milhares de produtos para sua casa, como: eletrodomésticos, torneiras, faqueiros, panelas, cafeteiras etc. Os pontos podem ser tocados ainda por aparelhos eletrônicos como TVs, celulares e som automotivo. Assim como no Pontofrio, seus pontos também podem ser trocados por vouchers de descontos de R$ 100 a R$ 1.000, para serem utilizados nas lojas físicas.

Pão de açúcar e Clube Extra

Participantes do programa de fidelidade da Multiplus podem transferir pontos para os programas de fidelidade Clube Extra e Pão de Açúcar Mais e trocar por produtos nos supermercados das duas bandeiras. Os pontos podem ser convertidos em vale-compra (conforme a tabela abaixo), que, quando resgatado, será responsável pela “devolução” de pontos Multiplus para a conta dos participantes.

Quer saber o que a Multiplus pode te oferecer? Deixe seus dados que nós avisamos.

Vídeos e Guias